Jyu Kumite – Conselhos e Orientações

Exercícios de combinações e conselhos para Jyu Kumite

Dois karatekas, 1 segura os paos enviando alguns murros que obrigam o outro a esquivar-se e a conta atacar, como por exemplo: o companheiro lança um hidari kagi tsuki, eu esquivo e aplico um migi kagi tsuki ao corpo seguido de um hidari kagi tsuki jodan, e pode finalizar com mawashi geri chudan ou jodan. Etc…

Oi tsuki + gyaku tsuki + mawashi geri / oi tsuki + oi kagi tsuki + gyaku kagi tsuki / mae geri + oi tsuki (migi) + hidari kagi tsuki.

Nunca olhar os olhos do adversário mas sim os ombros e as ancas.

Aprender a avançar e recuar. Entrar com uma combinação e sair de imediato. Ao lançar oi tsuki simultaneamente fazer sabaki.

Tentar mudar os níveis de ataque (cabeça/corpo), por exemplo 1,2, hidari kagi tsuki ao corpo, hidari kagi tsuki à cabeça.

É preferível trabalhar movimentos básicos nos treinos do que combinações muito complicadas.

Nunca atacar com o mesmo poder, variar ataques rápidos com menos poder, mais velocidade e mais certeiros com outros demolidores para acabar com o combate. Exemplo: ð jab fraco + jab moderado + jab forte. ð 1- fraco + 2– fraco + 3-fraco + com todo o poder. ð 1,2,3,4- rápido e fraco, dois com todo o poder ao corpo.

Aplicar a todas as combinações o acima descrito.

O exemplo pode ser: Oi mawashi geri gedan fraco + kagi tsuki + gyaku tsuki + olhar para baixo e mawshi geri jodan forte